Câncer no cérebro: uma nova esperança

0
462

Cientistas descobriram método inovador que pode interromper a propagação de células do câncer mais agressivo e letal: o glioblastoma multiforme (GBM).

Os pesquisadores demonstraram que a ativação de uma família de proteínas específica fez parar a migração das células alteradas para o tecido saudável. O GBM é o tumor cerebral maligno mais comum em adultos. Em 2010, foram 22.000 casos nos EUA. Em geral, os pacientes vivem menos do que 15 meses depois de diagnosticados com o GBM; isso mostra a agressividade desse tipo de câncer, que requer “desesperadamente novas terapias”, como explicou um dos autores do estudo.

glioblastoma-cancer-cerebro
O GBM é o tumor cerebral maligno mais comum em adultos. (fonte: medicalpress)

A técnica descoberta em tese permite que as proteínas, chamadas mDIA or DIAPHs, façam uma espécie de bloqueio e direcionem as células tumorais metastáticas para a “direção certa”. Trabalhos anteriores também revelaram atuação parecida dessas proteínas na diminuição do crescimento do tumor em células de câncer de cólon. Certamente, uma opção terapêutica potencial para outros tipos de câncer também.

Para um dos pesquisadores, o GBM é letal porque é eficaz em escapar e “burlar” as terapias atuais. A esperança é que essa descoberta proporcione segurança e maior eficiência no tratamento.

VIAScience Daily
COMPARTILHAR
Daniela Malagoli

Graduada em Comunicação Social (habilitação em Jornalismo) pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Mestranda do Programa da Pós-Graduação em Tecnologias, Comunicação e Educação (Faculdade de Educação) da UFU. Apresentadora de telejornal, consultora de comunicação e colunista do Blog MeuCérebro.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here